Centro de Documentação

Centro de Documentação

 

Com mais de 500 volumes disponíveis e mais de 5000 artigos em revistas científicas, o Centro de Documentação do Instituto do Oriente encontra-se ao serviço de toda a comunidade académica, investigadores, professores e alunos, assim como da sociedade civil. A disponibilização deste espólio bibliográfico serve o propósito de, em específico, contribuir para o desenvolvimento científico na área dos Estudos Asiáticos e, no geral, proporcionar um debate informado sobre as questões mais prementes que respeitam ao continente asiático nas suas vertentes política, social e cultural*.

 

 Horário: dias úteis das 9h30 às 12h30 e das 14h30 às 17h00.


Localização: Gabinete 32 do piso 0 do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP) da Universidade de Lisboa. Ir para contatos.

 

*É permitida a consulta dos materiais disponíveis apenas nas instalações do Instituto do Oriente.

voltar ao topo

Daxiyangguo - Revista Portuguesa de Estudos Asiáticos

Revista de Imprensa Asiática Principais Notícias

  • sexta, 19 outubro 2018 Rússia - Ucrânia

     "Officials with the Federal Security Bureau of Russia said that Russian border guards detained three ships of the Ukrainian Navy as the 

    latter were trying to travel across the Black Sea from the port of Odessa to the port of Mariupol in the Sea of Azov. The Ukrainian
    warships committed a number of provocative acts, FSB officials said."

     

     

     

  • sexta, 19 outubro 2018 Filipinas

    "MANILA: Rights groups raised fears yesterday after Philippine President Rodrigo Duterte announced plans to create a “death squad” targeting 

    suspected communist rebels, saying it would worsen the “calamity” triggered by his deadly drug war."

     

  • sexta, 19 outubro 2018 EUA - CHINA

    “Tit-for-tat retaliation” may be the singular option for the United States to halt an ever-broadening Chinese influence campaign that 

    targets American freedoms and democracy, according to a report written by some of the US’ most prominent China experts and issued on
    Thursday."

     

     

Ver todas