Órgãos de Gestão

Presidente

Prof. Doutor Nuno Canas Mendes

 

Conselho Diretivo
As principais competências do Conselho Diretivo são a elaboração de planos e relatórios anuais e plurianuais de atividades, a elaboração do orçamento anual e do relatório anual de execução financeira e a deliberação sobre propostas que lhe sejam submetidas pelos coordenadores científicos.

 

Presidente: Prof. Doutor Nuno Canas Mendes

NCM Foto IO Update

 

Vice-presidente: Prof. Doutora Andrea Valente 

 Andrea Valente IO update

 

Vice-presidente: Prof. Doutora Teresa de Almeida e Silva

 Foto TeresaAS

 

Vogal: Prof. Doutora Irene Rodrigues

 IreneRodrigues

 

Conselho Científico

O Conselho Cientifico é constituído pelo Presidente do Instituto do Oriente, que preside, e por todos os membros integrados Doutorados. As principais competências do Conselho Científico são a aceitação de membros integrados ou colaboradores, a aprovação dos planos e relatórios anuais e plurianuais das atividades, a aprovação do orçamento anual e do relatório anual de execução financeira e a estruturação das atividades de I&D em grupos de investigação de acordo com os objetivos do Instituto do Oriente.

 

Presidente: Prof. Doutor Nuno Canas Mendes

Vice-presidente: Prof. Doutora Andrea Sofia da Cruz Valente 

Vice-presidente: Prof. Doutora Teresa Manuela Rebelo Fernandes de Almeida e Silva


Membros

Prof. Doutora Akiko Sugiyama 

Prof. Doutor Álvaro Luís Correia de Nóbrega 

Prof. Doutora Ana Cristina Dias Alves 

Prof. Doutor António Pinto Pereira 

Prof. Doutor Carlos Piteira

Prof. Doutor Heitor Alberto Barras Romana

Prof. Doutora Irene Rodrigres

Doutor Luís Fernando Marques da Cunha

Prof. Doutora Isabel Alexandra de Oliveira David

Doutora Maria Regina de Mongiardim Flor e Almeida

Prof. Doutor Pedro Matias Santos 

Prof. Doutora Raquel Cristina de Caria Patrício 

Prof. Doutora Teresa Almeida e Silva 

Doutor Tiago André Ferreira Lopes 

 

Comissão de Aconselhamento Científico

A Comissão de Aconselhamento Cientifico é constituída pelo Presidente do Instituto do Oriente, que preside e coordena, e por até dez especialistas nos domínios de atividade do Instituto do Oriente, nacionais e estrangeiros, externos à Universidade de Lisboa. Compete a esta Comissão analisar o funcionamento e emitir parecer sobre o plano de atividades, o orçamento e o relatório das atividades anuais do Instituto do Oriente. 

 

Membros

Dr. Jorge Rangel

Gen. Vasco Rocha Vieira

Prof. Doutor José Esteves Pereira

Prof. Doutor Ming Chan

Prof. Doutor Sunil Khilnani

Prof. Doutor Michael Yahuda

Prof. Doutor Chris Alden

Prof. Doutor Chris R. Hughes

 

 

Secretário Executivo  

Dr. Matheus de Paula Costa

 

 

Funções

As principais funções do Secretariado Executivo são apoiar a gestão de projetos e atividades de I&D, assegurar a gestão do Centro de Documentação, dos conteúdos eletrónicos e redes sociais, apoiar a elaboração de planos e relatórios de atividades, do orçamento e do relatório de execução financeira, apoiar candidaturas a financiamento de projetos, assim como organizar e gerir eventos científicos e a rede de contatos da unidade.

 

Ext.: 453230

Correio eletrónico:  Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

                                Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Gab. 32 | Piso 0

© Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas

Rua Almerindo Lessa - 1300-663 Lisboa

Tel: (+351) 213 600 487  

Akiko Sugiyama
voltar ao topo

Daxiyangguo - Revista Portuguesa de Estudos Asiáticos

Revista de Imprensa Asiática Principais Notícias

  • sexta, 20 julho 2018 Israel

    Israel’s Parliament on Thursday approved a controversial piece of legislation that defines the country as the nation-state of the Jewish people but, critics warn, sidelines minorities.

  • sexta, 20 julho 2018 Coreia do Sul

     

    A Seoul court on Friday sentenced former President Park Geun-hye to eight years in prison for illegally taking off-book funds from the state spy agency and interfering in elections during her term in office.

     

     

  • sexta, 20 julho 2018 Japão

    Japan has amassed enough plutonium to make 6,000 atomic bombs as part of a program to fuel its nuclear plants, but concern is growing that the stockpile is vulnerable to terrorists and natural disasters.

     

Ver todas